Olhar o presente com o ponto de vista do amanhã

3 min December 6, 2021
Educação Mercado

A atual geração de profissionais já sente as transformações no mercado de trabalho que foram impulsionadas pelos avanços tecnológicos, sociais e culturais dos últimos dez anos. O cenário do mercado está sendo redesenhado, e isso significa que, no futuro próximo, as carreiras tradicionais mudarão, novas competências serão demandadas e o aprendizado não terá data para acabar. 

Nesse cenário, o lifelong learning, ou aprendizado constante, terá um papel essencial. Mais do que uma tendência, o conceito é uma postura estratégica para quem deseja se desenvolver e crescer profissionalmente. O conceito aborda a necessidade de ampliar conhecimentos e aprender novas habilidades de forma contínua para acompanhar a evolução do mercado. 

Lifelong learning na prática 

Os profissionais do futuro precisam ter a mente curiosa e uma postura ativa e aberta ao conhecimento. Cada vez mais, é preciso dominar novas ferramentas e diferentes habilidades comportamentais, tais como: liderança, pensamento crítico, resolução de problemas, habilidade de gestão, aprendizagem ativa, entre outras. 

É sobre um estado mental em que o aprendizado acontece a todo momento, do seu jeito, sem precisar de um local físico. É também sobre criar um compromisso duradouro com a sua formação para se reinventar diante da nova realidade. 

Na prática, é preciso refletir sobre a sua programação de carreira e fazer um planejamento dos próximos passos para alcançar as suas metas. Afinal, um diploma não encerra a sua jornada. Se você está com dúvidas sobre qual rumo tomar após a formatura ou se está em um momento importante de definição da sua carreira, pergunte-se:  

– Quais habilidades eu preciso desenvolver para evoluir? 

– Quais as principais tendências do mercado? 

– O que as empresas estão procurando? 

 

Você está preparado para o novo? 

De acordo com a teoria da Pirâmide da Aprendizagem, elaborada pelo psiquiatra norte-americano William Glasser, a absorção de conteúdo muda de acordo com a forma que é transmitido. Ele divide a proporção do que retemos em: 

 

Aprendizagem passiva: 

10% do conteúdo quando lemos 

20% quando escutamos 

30% assistindo a um vídeo ou apenas observando 

50% escutando e observando ao mesmo tempo 

 

Aprendizagem ativa: 

70% quando conversamos ou debatemos um assunto 

80% ao ler, escrever ou colocar em prática um conteúdo 

95% ao ensinar alguém 

 

Essa teoria reforça a importância de equilibrar experiências diferentes de aprendizagem, que complementam e enriquecem as trajetórias de cada estudante, visando à compreensão profunda e ampla do mundo. É assim que criamos nossos cursos de Pós-Graduação. Aqui, você pode aumentar a sua expertise ou diversificar seu currículo com uma nova área de conhecimento, contando com uma plataforma de Vida & Carreira para aproximar você das oportunidades no mundo do trabalho. 

Blog da Pós-Graduação